NEGÓCIOS

Autoimpact cresce 32% e está entre as líderes do mercado nacional de palhetas automotivas

02/02/2021 09:00:00

Autoimpact cresce 32% e está entre as líderes do mercado nacional de palhetas automotivas

Autoimpact, especialista em palhetas automotivas, cresceu em 2020, 32% em relação a 2019.

A empresa aumentou a compra de peças durante a pandemia e reforçou estoque de matéria-prima para expandir atuação. 

Com isso, a marca com a maior linha de limpadores de para-brisas do país, que atende 99% da frota nacional e importada de veículos, domina hoje 20% do mercado do Sul do Brasil. 

O crescimento da empresa também se deve ao investimento no suporte aos clientes, treinamento de vendas, com vídeos educativos e que instruem com o passo a passo para a substituição de peças. 

Também estão contemplados os materiais de apoio, como o catálogo impresso e online, além de um aplicativo exclusivo.

O nível de expertise da Autoimpact também avançou para a linha de carga pesada, atendendo ônibus, caminhões e máquinas agrícolas. 

Desenvolvida em parceria com grandes frotistas, o produto destinado ao segmento de carga pesada tem uma performance reconhecida ao aumentar o intervalo médio de substituição do produto em até 20%.

A empresa foi criada há pouco mais de 12 anos em São José, e agora está instalada no parque industrial em Palhoça. 

Atualmente, os produtos conseguem cobrir cerca de 850 veículos que rodam no país, com mais de 2 mil aplicações catalogadas. 

Assim, uma única palheta pode atender vários modelos de carros, mantendo a originalidade. 

Consolidada no setor de autopeças, a empresa catarinense é marca homologada na Ipiranga Lubrificantes e Jet Oil Ipiranga, que estão presentes em diversos pontos em todo o Brasil. 

Para saber mais sobre a Autoimpact, acesse o site ou os canais do Instagram e YouTube.  

 

O engenheiro Cristiano Proença Deitos, um dos sócios da empresa, explica:

“Temos certificações de qualidade, como a ISO TS 16949, que nos credencia para atender veículos 0 Km na linha leve dianteira”.

“A atenção nos momentos da venda e pós-venda foi intensificada durante a pandemia, devido à dificuldade para deslocar pessoal para a capacitação, por exemplo”.

“Criamos um processo de melhoria contínua, onde inovamos e surpreendemos diariamente os nossos clientes”.






A hora e a vez do Governo Digital 

Artigo por Aldo Mees, Presidente da IPM Sistemas