Tecnologia | Publicado em: 12/04/2017 19:50:00

Com 20 anos de presença no mercado de saúde, o software brasileiro de gestão em saúde Tasy, adquirido pela Philips em 2010 e desenvolvido no Centro de Desenvolvimento da empresa, em Blumenau, se consolida no Brasil e mira voos ainda mais altos: o software está sendo exportado para instituições em países selecionados na Europa e no Oriente Médio.

O Tasy oferece a hospitais gerais e especializados, clínicas, operadoras de planos de saúde e bancos de sangue, entre outras instituições de saúde, a possibilidade de conectividade, traduzida na integração de informações. A implementação do software de gestão leva à automação que proporciona uma melhora expressiva no controle de processos, possibilitando maior eficiência, aumento de produtividade e também maior custo-benefício.

"Os ganhos do hospital com a utilização do sistema Tasy foram imensos: melhor gestão do negócio, aumento da produtividade e, principalmente, maior segurança para os nossos pacientes. O Tasy hoje é estratégico, uma ferramenta imprescindível para o dia a dia do hospital.", diz Maurício de Andrade, diretor administrativo financeiro do Hospital Santa Catarina de Blumenau.

O software é responsável por um aumento de 62% no número de funcionários dedicado a ele no mundo nos últimos 3 anos. Em Blumenau, a Philips conta com cerca de 600 colaboradores dedicados somente ao Tasy, divididos entre as áreas de Produto, Vendas, Desenvolvimento, Suporte e Implantação. Como resultado, o software é líder de segmento no país e está presente em mais 900 instituições brasileiras entre hospitais gerais e especializados, clínicas, bancos de sangue, entre outros.

Internacionalização

O processo de expansão internacional se iniciou em 2013, quando a empresa enviou um grupo de especialistas para o México, para conhecer o mercado e as instituições de saúde locais. A expansão para o país aconteceu de fato em 2014, com a implementação no Hospital San Javier.

O segundo país envolvido na internacionalização do software foi à Arábia Saudita, com o envio de um grupo de especialistas em produto e implantação. Segundo Solange Plebani,

“o mercado saudita possui semelhanças com o mercado de saúde brasileiro, no entanto, há requisitos regulatórios e especificidades locais que precisam ser atendidas e para isso contamos com equipes dedicadas tanto na Arábia Saudita quanto no Brasil”.

Além dele, a Alemanha conta com quatro funcionários exclusivamente dedicados ao software trabalhando localmente, enquanto a Índia conta com 40 especialistas da Philips.




SoftExpert é apoiadora do Congresso FNQ de Excelência em Gestão
FIEAM automatiza gestão de CSC com solução da SoftExpert
Projeto gratuito ensina programação de aplicativos para celular
FECAM utiliza WhatsApp para ampliar interação com gestores, servidores municipais e cidadãos
Patrocinado
Patrocinado
Patrocinado
Patrocinado
Patrocinado

Blog do Editor






















Patrocinado
Patrocinado
Patrocinado
Patrocinado



Patrocinado


Agenda Executiva

Encontre cursos, palestras e eventos em Santa Catarina


Empregos

Pensou em mudar de empregou ou carreira?
Encontre sua nova vocação



As mais lidas







Reprodução

Permitimos a livre reprodução do conteúdo, respeitados os contextos da edição. Agradecemos a citação da fonte - www.noticenter.com.br

Endereço

Rua Petrópolis, 206 - CEP 89010-240 - Blumenau - SC
Telefone (47) 3035-4314 | (47) 3035-4316

Receba em seu e-mail



Visite as Redes Sociais

Capa | Cidades | Blog do Editor | Legislação | Carreiras | Entidades | Gestão | Indústria | Logística | Marketing | Tecnologia | Têxtil | Imóveis | Saúde | Veículos |